Cantora sertaneja Paula Mattos revela ser casada há 9 anos com outra mulher e o alívio de se assumir

quarta-feira, 15 de setembro de 2021

Paula Mattos dedicou a música "Não Esfriou" à companheira de 9 anos. Imagem: Elektra


Casada com Camilla Boleli, sua empresária artística há nove anos, a cantora sertaneja e compositora Paula Mattos só revelou sua orientação sexual recentemente, inspirada pela participação de Pabllo Vittar no extinto "Caldeirão do Huck".

Estava gravando um clipe sobre diversidade, e não faz sentido mais uma vez gravar algo sobre diversidade e não falar de mim", diz.

Hoje deveria ser normal isso. Ninguém fala 'eu sou hetero'. Ninguém deveria perder a credibilidade por isso. Fora que tira um peso enorme, faz mal e também pode ajudar outras pessoas"
Paula Mattos e Camilla Boleli

Na conversa com Zeca Camargo durante o programa "Brasil com Zeca" (ver abaixo), Paula também falou sobre sua terra Natal.
O som do Mato Grosso do Sul é o sertanejo e a galera gosta de tomar tereré (bebida feita com a infusão da erva-mate em água fria com ervas medicinais) porque é muito quente aqui", disse na entrevista bate-volta que iniciou o programa.
Da sua maior lembrança da infância ("quando ia para a chácara da minha avó, que me esperava com bolinho no forno") à vida no campo ("apesar de vestir preto nos shows, sou mais do campo, cresci fazendo churrasco ouvindo muita música raiz, à beira do fogão à lenha"), Paula cresceu num meio muito musical. O primeiro violão foi dado pelo pai.

Ah vai ter aniversário... Algum tio ia tocar. Eu ficava admirada e com 7 anos pedi um violão para ele que me deu o de brinquedo primeiro, mas pedi o de verdade"

Ela começou a tocar na raça, de forma 100% autodidata, sem tomar aulas. O início foi ao lado da dupla Thaeme & Thiago, em barzinhos de Campo Grande.
Tinha também outras cidades perto, estava compondo muito com uma parceira minha, e a gente arrepiava de compor, virava a noite criando. Eu, ela e Thiago fizemos 13 músicas."
Dos pratos típicos que ela mais gosta, sobá e arroz carreteiro (a sobra do churrasco). Dos artistas locais, Michel Teló, Luan Santana e Patricia Adriana. Das cantoras, Paula Fernandes, Pink e Ivete Sangalo.

São cinco anos fazendo shows pelo Brasil, entre tantas lutas e muita força de vontade para se situar na vida. Em todos os quesitos.
Pratos do dia

No episódio que Zeca Camargo entrevistou Paula Mattos, o apresentador fez uma viagem aos sabores da terra natal da cantora.

Com a chef Magda Moraes ele aprendei a fazer um estrogonofe de carne de sol com mandioca palha — em substituição à tradicional batata.

Para coroar a receita, Leandro Santos, consultor etílico do programa, criou o drinque "Sofrência", feito à base de rum, licor de laranja e água de coco.



0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Um Outro Olhar © 2021 | Designed by RumahDijual, in collaboration with Online Casino, Uncharted 3 and MW3 Forum