Homem-aranha estrela recém-lançado clipe contra a homofobia (We Exist) da banda canadense Arcade Fire

sexta-feira, 6 de junho de 2014

Andrew Garfield banca um outro tipo de herói

Arcade Fire manda mensagem contra homofobia com participação de Andrew Garfield

Saindo diretamente do colante uniforme de Homem-Aranha para um visual, digamos, um pouco mais arrojado, Andrew Garfield mostra que suas habilidades de ator vão além das peripécias e pulos diagonais requeridos pela Marvel. Ele é a estrela do recém-lançado clipe da banda canadense Arcade Fire, “We Exist”.

A música, que pertence ao quarto disco da banda, “Reflektor”, relata uma conversa sobre homofobia entre um jovem homossexual e o seu pai. Ao longo dos seis minutos e vinte um segundos de clipe, entramos no universo do personagem que se transveste, sai pelo mundo, mas é arrebatado pelo preconceito. Essa realidade não parece nem um pouco distante da qual nos encontramos no momento, infelizmente.

Na turnê do novo álbum, Win Butler, vocalista da banda, dedicou o som à comunidade gay chegando a declarar que o vídeo acompanha a história da luta de uma pessoa jovem em sua identidade de gênero. A parte final do clipe ocorre de forma apoteótica em pleno show do grupo, diante de um público de milhares de pessoas.

Reflektor

O último disco do Arcade Fire agradou a turma indie e também a crítica. Lançado em outubro de 2013, é um álbum duplo com 75 minutos de gravação e 13 faixas. Muitos o consideram até agora o melhor trabalho dos canadenses, em termos musicais de amadurecimento de um rock dançante e de reflexões.

Misturando o eletrônico ao acústico, os arranjos musicais de Reflektor parecem buscar referências nos anos 70 e 80 em uma atmosfera que oferece momentos distintos. Seguindo desta forma, o grupo mostra que talento musical e boas letras podem ser uma mescla legítima de um disco completo, que não deixa nada a desejar.



They're walking around
Head full of sound
Acting like
We don't exist
They walk in the room
And stare right through you
Talking like
We don't exist
But we exist
Daddy it's true
I'm different from you
But tell me why they treat me like this?
If you turned away
What would I say?
Not the first betrayed by a kiss

Maybe it's true
They're staring at you
When you walk in the room
Tell 'em it's fine
Stare if you like
Just let us through
Just let us through
Na na na na na na na
Na na na na na na na

They're down on their knees
Begging us please
Praying that we don't exist
Daddy it's fine
I'm used to 'em now
But tell me why they treat me like this?
It's cause we do it like this

Maybe it's true
They're staring at you
When you walk in the room
Tell 'em it's fine
Stare if you like
Just let us through
Just let us through

Let 'em stare! Let 'em stare!
If that's all they can do!
But I'd lose my heart
If I turn away from you

Oh daddy don't turn away
You know that I'm so scared
But will you watch me drown?
You know we're going nowhere
We know that we're young
And no shit we're confused
But will you watch us drown?
What are you so afraid to lose?

Down on my knees
Begging us please
Praying that we don't exist
You're down on your knees
Begging us please
Praying that we don't exist
We exist!
We exist!
Down on my knees
Begging us please
Praying that we don't exist
You're down on your knees
Begging us please
Praying that we don't exist
We exist!
We exist!
We exist!
We exist!

Maybe if you hang together
You can make the changes in our hearts
And if you hang together, you can change us
Just where should you start?

Fonte: A Fronte 2.0, 05/06/2014

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Um Outro Olhar © 2015 | Designed by RumahDijual, in collaboration with Online Casino, Uncharted 3 and MW3 Forum