Clubes espanhóis de futebol promovem campanhas contra vários tipos de discriminação

quarta-feira, 8 de julho de 2015

Rayo Vallecano lança uniforme com arco-íris para lutar contra a discriminação por orientação sexual
Nova campanha do clube espanhol homenageia os 'heróis anônimos' da sociedade

O Rayo Vallecano, equipe que joga a 1ª divisão da Espanha, mergulhou de corpo e alma na defesa por justiça social e pelos direitos de minorias. O novo uniforme nº 2 do clube, divulgado nesta quarta-feira, conta com uma faixa diagonal nas cores do arco-íris, em referência à luta contra a discriminação por orientação sexual. A ação faz parte da campanha "Rayo Vallecano com os heróis anônimos", em reconhecimento ao "esforço de todos aqueles que lutam todos os dias na nossa sociedade".

Além do arco-íris defender a diversidade sexual, cada uma das cores da faixa diagonal faz referência a uma causa. O vermelho, por exemplo, representa o apoio àqueles que sofrem de AIDS. O verde simboliza a defesa pelo meio ambiente. O azul se refere à luta contra maus-tratos contra crianças. O Rayo informou que 7 euros provenientes da venda de cada camisa serão destinados a associações, escolhidas pelo próprio clube, que defendem as causas em questão.

Já a terceira camisa do Rayo Vallecano conta com uma faixa diagonal cor de rosa, em apoio àqueles que lutam contra o câncer. De acordo com o clube, 5 euros da venda de cada uniforme irão para instituições que atendem pacientes da doença.

Sediado em Vallecas, bairro operário de Madri, o Rayo Vallecano tem o costume de trazer causas sociais para o mundo do futebol. Em janeiro de 2014, uma torcida organizada do clube exibiu, durante partida contra o Villarreal, uma faixa de protesto contra um projeto de Lei Antiaborto na Espanha, com os dizeres "nossa vagina, nossa decisão".

Em dezembro, o Rayo anunciou que dedicaria 5 euros de cada ingresso vendido na partida contra o Sevilla para Dona Carmem, uma senhora de 85 anos. moradora do bairro do Vallecas, que teve a casa hipotecada por não conseguir pagar um empréstimo. A campanha arrecadou pouco mais de 21 mil euros.

Dona Carmem, que só precisava de metade do dinheiro, devolveu o excedente para o clube atender a um desejo do ex-goleiro Wilfred, que estava hospitalizado na Espanha: reencontrar seus três filhos, que vivem na Nigéria. Apesar do apoio do Rayo, faltou tempo para o desejo se realizar: Wilfred faleceu em janeiro, vítima de câncer.


Fonte: O Globo, 01/07/2015

Clube espanhol anuncia uniforme para apoiar luta contra a homofobia


Time da terceira divisão espanhola, o Guadalajara resolveu assumir a bandeira dos direitos LGBT e anunciou um uniforme com apoio à luta contra a homofobia.

Com o nome de Orgulho Madri, a camisa é uma referência à parada do orgulho gay da capital do país e tem como meta celebrar a “igualdade, a inclusão e a unidade”. Ainda de acordo com o clube, 5% da arrecadação da venda do uniforme serão destinados à organização Changing The World Through Sport para ajudar no combate ao preconceito.

Confira abaixo o vídeo do lançamento do uniforme do Guadalajara para a temporada 2015/2016:



Fonte: BN Esportes, 06/07/2015

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Um Outro Olhar © 2015 | Designed by RumahDijual, in collaboration with Online Casino, Uncharted 3 and MW3 Forum