Retrospectiva 2014: Na novela Em Família, Marina (Tainá Müller) e Clara (Giovanna Antonelli), entre declarações de amor e idas e vindas

quinta-feira, 8 de janeiro de 2015

Retrospectiva 2014

As postagens sobre a novela Em Família foram hits de acesso em 2014. Nos próximos dias, vamos revê-las e a outras postagens bem populares da Um Outro Olhar no ano passado.



Giovanna Antonelli se destaca na novela "Em Família"

Clara da novela "Em família", diz que o público está dividido entre Cadu (Reynaldo Gianecchini) e Marina (Tainá Müller)

Giovanna Antonelli, a Clara da novela "Em família", diz que o público está dividido entre Cadu (Reynaldo Gianecchini) e Marina (Tainá Müller). Na trama de Manoel Carlos, a personagem passa por problemas no casamento e começa a se interessar pela amiga fotógrafa.

- Acho uma delícia os debates nas redes sociais. Eles são um bom termômetro para o nosso trabalho. Acho que a torcida está bem dividida, viu? Vamos aguardar cenas dos próximos capítulos - afirma.

A atriz diz não ter acompanhado a novela "Amor à vida", que mostrou o beijo gay entre Félix (Mateus Solano) e Niko (Thiago Fragoso), mas ficou feliz com a repercussão:

- Foi fruto de um grande trabalho dos atores. Como atriz, senti admiração. Como cidadã, acho que o amor é um sentimento muito nobre e deve ser sempre mostrado. Independentemente da opção sexual de cada um. Boas histórias são sempre bem-vindas.

Perguntada se já teve uma conversa com o filho Pietro, de 8 anos (do casamento com Murilo Benício), sobre homossexualidade, Giovanna diz que não costuma "adiantar assuntos" em casa. A atriz também é mãe das gêmeas Antônia e Sofia, de 3 anos.

- Não levanto questões. Respondo, converso e tiro dúvidas quando existe o conflito real.

Fonte: O Globo, Patrícia Kogut, 14/03/2014

Marina se declara para Clara e elas resolvem se afastar

Marina (Tainá Müller) finalmente terá coragaem para se declarar a Clara (Giovanna Antonelli) nos próximos capítulos de Em Família.

Conforme dialógo postado pela colunista Patrícia Kogut, do jornal O Globo, Marina acredita não ter chances com Clara e resolve contar o que sente, mas também se afastar da assistente.

Após um atraso de Clara no trabalho, Marina chama ela para conversar. Clara acredita que ouvirá uma demissão, mas a fotógrafa deixará claro que o assunto que quer falar é outro:

"Preciso falar da admiração que tenho por você. Desde a primeira vez em que te vi, fiquei fascinada por você. E só porque você é assim, leve, sincera, doce, iluminada. Quero que você saiba que foram todas as nossas diferenças que me aproximaram de você. Como um imã", dirá Marina.

Clara concordará que a ligação entre elas foi imediata e tenta argumentar falando da amizade que sente.

A fotógrafa insistirá que elas sentem algo mais forte uma pela outras. "Tudo que não temos falado verbalmente esse tempo todo, temos trocado em emoção, em intenção, em olhares... quase em telepatia. Você sabe bem, Clara", dirá Marina.

Clara tenta justificar dizendo que não sabe o que sente: "Sei. Quer dizer... não sei bem. Mas também não sei como lidar com isso. Que pode ser, sei lá, uma dúvida minha também, entende?".

"Por isso é que estou falando por nós duas", diz a fotógrafa que revela: "Não posso, não consigo mais conviver com a presença da ausência do seu amor, Clara".

"Então estamos mesmo falando de amor. É isso?", questiona a dona de casa.

"Você sabe que sim. E, para o nosso bem, precisamos nos afastar. Quero que você continue trabalhando aqui porque te acho realmente uma promessa. Mas, por uma questão de sobrevivência minha, estou, digamos assim, te demitindo do meu coração" encerrará Marina, deixando a amiga chocada.

Em casa, depois de refletir sobre a confissão de Marina, Clara volta à casa da fotógrafa e pede demissão. "Matutei muito sobre o que você falou comigo sobre a nossa situação. Não me saiu da cabeça daquele momento até hoje. Até agora. Principalmente as palavras finais. Você disse: "Para o nosso bem, precisamos nos afastar". Essa frase e outras que ainda vou lhe dizer martelam na minha cabeça, no meu coração, desde o momento em que ouvi você dizer", dirá Clara.

"Não estou fechando a porta entre nós duas. Apenas encostando. Mas tenho que dizer", dirá Clara, deixando Marina ansiosa. "Você falou: "Por uma questão de sobrevivência minha, estou te demitindo do meu coração". Eu vim para acrescentar que não posso concordar em insistir com a minha presença e com isso impedir a sua sobrevivência. E sou eu, então, que me demito de continuar vindo aqui. Se precisamos nos afastar, que seja um afastamento radical para que a gente sofra menos", encerra a dona de casa, tentando evitar que Marina sofra com a sua presença.

Marina e Clara se abraçarão e chorarão juntas até Clara ir embora depressa, para evitar mais sofrimento com a despedida.

Fonte: A Tarde, 14/03/2014

"Em Família", Clara diz estar apaixonada por Marina e fotógrafa se declara

Nos próximos capítulos de "Em Família", Clara (Giovanna Antonelli)assume estar apaixonada por Marina (Tainá Müller) e se declara. A informação foi divulgada no jornal "Extra", que faz parte das Organizações Globo. A cena deve ir ao ar no dia 20 de março.

Clara confessa a Juliana (Vanessa Gerbelli) que gosta da fotógrafa e pergunta se a tia já foi cantada por uma mulher. "Tem alguma atrás de você?", questiona Juliana.

"É complicado. A gente sente uma atração, uma pela outra. Como está na moda dizer: temos química. De primeiro a gente falava que eram afinidades. Agora é química", assume a dona de casa. Clara diz que está dividida entre Marina e Cadu (Reynaldo Gianecchini). "Se fosse um homem, podia fazer dele meu amante. Me dividia entre os dois, como tantas mulheres fazem. Mas como ser casada com homem e ter amante mulher?", se indaga.

Após se separar de Nando (Leonardo Medeiros), Juliana concorda que é um assunto delicado. "Acho mais fácil um homem ser bissexual do que uma mulher. Não sei, não sei, pode ser preconceito meu. Na verdade, o que eu acho é que eu só entraria numa aventura dessas se não amasse o meu marido como eu amo. Ou se amasse essa mulher mais do que amo o meu marido. Entende?", diz Clara.

Durante o papo, Marina liga algumas vezes, mas Clara não atende. A fotógrafa vai até a casa da amada. Marina e Clara se abraçam. "Estava com muita saudade", afirma Clara. "Mas muito bandida, não me ligou e nem atendeu minhas ligações", diz Marina.

Clara inventa que o telefone está com problemas, mas Marina percebe a mentira. "Você não sabe mentir. É uma das suas qualidades: é transparente. Foi por essa transparência que eu também me encantei logo que nos conhecemos", diz a fotógrafa.

A fotógrafa pergunta por que ela não quis atender. "Vontade eu tive, sim, juro. Mas achei que não devia. Falamos em dar um tempo e o tempo não passa", explica Clara. "Estou amando você", se declara Marina.

Fonte: UOL, em São Paulo, 14/03/2014Publicado originalmente em 17/03/2014

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Um Outro Olhar © 2015 | Designed by RumahDijual, in collaboration with Online Casino, Uncharted 3 and MW3 Forum