Em entrevista ao apresentador americano Larry King, o líder budista Dalai Lama apoia casamento LGBT e condena homofobia

quarta-feira, 12 de março de 2014


Líder espiritual do Tibet e Prêmio Nobel da Paz de 1989, o Dalai Lama, durante entrevista ao  apresentador americano 
Larry King, deu apoio ao casamento gay e condenou a homofobia, dizendo que sexo é bom desde que consensual. 
Afirmou o monge budista, para quem o casamento homossexual é “okay” e uma "questão pessoal”: 
Se duas pessoas (um casal) realmente se gostam e querem se unir,  por também ser mais prático e satisfatório, então tudo bem!”
Perguntado se o casamento entre pessoas de mesmo sexo deveria ser universalmente aceito, respondeu que "isso dependia da lei de cada país.” E acrescentou que as pessoas deveriam seguir as regras de suas religiões sobre espiritualidade:
As pessoas, que têm fé ou alguma tradição em particular, deveriam agir de acordo com sua própria tradição. Por exemplo, no Budismo, há restrições a práticas sexuais que são consideradas más condutas, então, se você é budista, deve segui-las apropriadamente. 
Entretanto, para os não-crentes, depende só deles. Como há diferentes formas de sexo, desde que sejam seguras e consensuais, então são válidas.” 
Afirmou ainda que a homofobia era errada e uma violação dos direitos humanos.

O Dalai Lama visitou os EUA sob risco de aumentar a ira da China que o considera inimigo de estado por querer a independência do Tibete. O líder tibetano, contudo, nega as acusações, afirmando que quer apenas autonomia suficiente para proteger a cultura budista tibetana.

Veja a fala do Dalai Lama no vídeo abaixo.

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Um Outro Olhar © 2015 | Designed by RumahDijual, in collaboration with Online Casino, Uncharted 3 and MW3 Forum