Futuro cardeal espanhol diz que homossexualidade é "deficiência"

segunda-feira, 20 de janeiro de 2014

Para o cardeal Fernando Sebastian,
a homossexualidade é "uma forma de deficiência sexual".

O futuro cardeal espanhol Fernando Sebastian, próximo do Papa, gerou duras críticas por parte das associações de defesa dos direitos dos homossexuais e da oposição socialista ao afirmar que a homossexualidade é "uma forma de deficiência sexual".

O arcebispo emérito de Pamplona, Fernando Sebastian Aguilar, de 84 anos, é um dos 19 novos cardeais cuja nomeação foi anunciada pelo Papa Francisco e que serão oficializados a 22 de fevereiro.
'Com todo o respeito, digo que a homossexualidade é uma forma deficiente de exprimir a sexualidade, porque esta última tem uma estrutura e um objetivo que é a procriação', afirmou o prelado numa entrevista publicada domingo no ornal Sur de Malaga, cidade onde reside. 
'No nosso corpo temos muitas deficiências. Eu tenho hipertensão. Vou ficar irritado quando me dizem que tenho? É uma deficiência que devo corrigir como posso. Mostrar a um homossexual uma deficiência não é uma ofensa, é uma ajuda porque muitos casos de homossexualidade são recuperáveis com o tratamento adequado', afirmou Fernando Sebastian.
Os socialistas do PSOE já criticaram estas declarações que, segundo a secretária da Igualdade, Purificación Causapié, "contribuem para perpetuar a discriminação e a violência que existem em vários países contra os homossexuais".

Já as associações de defesa dos direitos dos homossexuais, exigiram que Fernando Sebastian retire as suas palavras.

Fonte: DN Globo, 20/01/2014

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Um Outro Olhar © 2015 | Designed by RumahDijual, in collaboration with Online Casino, Uncharted 3 and MW3 Forum