Últimas notícias sobre o caso de André Baliera, vítima de heterrorismo

segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

Além do inquérito policial aberto contra Diego Mosca e Bruno Portieri, por tentativa de homicídio de André Baliera, estudante de Direito da Universidade de São Paulo (USP), os acusados também serão processados na esfera administrativa, pela Secretaria da Justiça e Cidadania de São Paulo, com base na lei paulista antihomofobia (10.948/2001), e poderão ser condenados a pagar multa que varia de 1.000 Ufesp´s (R$ 18 mil) a 3.000 Ufesp´s (R$ 54 mil).

Também Bruno Portieri perdeu o ponto de sua loja nas dependências da Peralta Fitness por conta de sua agressão contra André Baliera. A gerência da academia localizada na Chácara Flora afirmou, em sua página do Facebook, que, indignada com o ocorrido e por repudiar qualquer tipo de agressão, homofóbica ou de qualquer outro tipo, não mais queria o aluno dentro da empresa.  

Ainda, o próprio André gravou depoimento em vídeo onde clama por justiça e denúncia que seus agressores estão tentando culpá-lo pela violência que sofreu. Segue o vídeo abaixo:

Diante de uma tentativa de homicídio, diante das mentiras que tenho lido a meu respeito pelo advogado do outro lado, diante da solidariedade das pessoas que entraram em contato comigo e em um sincero pedido de desculpas pela ausência nesses dias horrorosos que tenho vivido fiz esse vídeo pra conseguir atingir o maior número de pessoas e pedir JUSTIÇA.
 
Com informações do UOL e do blog VIPADO

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Um Outro Olhar © 2015 | Designed by RumahDijual, in collaboration with Online Casino, Uncharted 3 and MW3 Forum