Aplicativo de relacionamento para lésbicas na China removido da internet

segunda-feira, 5 de junho de 2017



Aplicativo de relacionamento para lésbicas popular na China é removido da internet

PEQUIM - Um popular aplicativo de namoro chinês para lésbicas foi desativado, bem como seu site e principal conta de mídia social, justamente quando a comunidade gay comemora a decisão de Taiwan de dar aos casais do mesmo sexo o direito de se casar, sendo o primeiro na Ásia.

O aplicativo Rela, criado em 2012, tem cerca de 5 milhões de usuários cadastrados, segundo uma versão armazenada de seu perfil no iTunes, da Apple.

Mas os usuários começaram a perceber na semana passada que o aplicativo, juntamente com sua conta no Weibo, espécie de Twitter, não era mais acessível, de acordo com os usuários que publicam no Weibo sob as 'hashtags' #rela e #relahasbeenblocked.

O serviço foi temporariamente suspenso devido a um "importante ajuste no serviço", disse o Rela aos usuários na conta do aplicativo WeChat.
O Rela sempre esteve com você e por favor aguarde seu retorno!", acrescentou, mas sem dar detalhes sobre por que estava suspendendo o serviço.
Esta é a discriminação contra nós lésbicas", escreveu uma usuária no Weibo. "Não ser capaz de abri-lo parece como ser abandonado", escreveu outro.
Não ficou imediatamente claro por que o Rela foi desligado.

A empresa não respondeu a um email procurando comentários. A Apple não respondeu imediatamente a um pedido de comentário.

O regulador da internet na China também não respondeu imediatamente a um pedido por fax enviado nesta segunda-feira, que é um feriado nacional.

(Reportagem de Ben Blanchard; Reportagem adicional de Cate Cadell e Brenda Goh, em Xangai)

Fonte: Reuters, 29/05/2017

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Um Outro Olhar © 2015 | Designed by RumahDijual, in collaboration with Online Casino, Uncharted 3 and MW3 Forum